MÉdiuns

Desde o momento que você entrar no terreiro, procure ser útil, não tomando posturas arrogantes de achar que faz muito por somente Incorporar como médium da corrente, trabalho ali é o que não vai faltar, nem que seja molhar uma planta, você não está lá à toa, seja disciplinado, e trabalhe, trabalhe, trabalhe.  O espaço físico precisa ser preparado não somente espiritualmente, mas também materialmente, se você não CONTRIBUIR com a sua manutenção, outra pessoa terá de fazer no seu lugar.   Do que adianta encher a boca de vaidade se você chega em cima Da Hora de iniciar os trabalhos???, não tem coragem nem de passar uma Vassoura para ajudar.   Isto também é fazer caridade, e tenhas a certeza que a espiritualidade tudo vê tudo, lembre-se de quando voce incorpora, quem faz toda as atividades é o seu guia, e não voce, a sua tarefa é de apenas estar preparado e concentrado para atuação da entidade, mas quando voce se dispõe a colaborar na limpeza do seu Terreiro, ou prestar ali qualquer outra atividade de cunho mais material, é você diretamente quem exerce essa caridade.  Há muitas maneiras de ser Útil dentro de um terreiro, vai de acordo com o terreiro precisa e das suas habilidades, só não existem justificativa para nada.  Este é também um excelente método para você exercitar sua Humildade, que é a maior proteção que um bom Médium pode ter. Não importa o cargo que possui dentro do terreiro, disponha-se a se doar um pouco pela casa que Diz Tanto Amar, isto já fara um bem enorme para a sua própria alma e a sua missão como médium, nesta jornada infinita que é de fazer o bem sem olhar a quem. Esperamos ter conseguido orientar voce a se realizar dentro dos princípios básicos de um bom Umbandista, ao dizer que precisamos sempre estarmos atentos aos benefícios que uma pequena ajuda, poderia dar para o meu Terreiro.

É muito comum no iniciar das incorporações, quando a gente está ansioso, com medo, curioso e inseguro para saber quem são as entidades e como agem em nós, como trabalharam, seus nomes, etc…. Todos nós mediuns já passamos por isso também… Quando há as incorporações o médium fica mais atento a qualquer palavra que saia de sua boca “” se eu falando ou a entidade, o que vai acontecer agora, o que ela está fazendo “”…. tudo isso faz parte do iniciar, pois ser consciente é perfeitamente normal e não é sinal de Falta de Firmeza ou até falta de Maturidade deste médium, jamais seria…. E é nessa fase onde o médium atuará muito junto com a entidade , por sua participação Interatividade ” que é peculiar nesse inicio , ocorre maior incidência de uma interferência do médium, sobrepondo ao da entidade. (((( Para mim perfeitamente normal )))).. Porém, com o passar do tempo, o médium vai ganhando confiança, vai aprendendo a ficar mais Alheio das Manifestações da entidade, pois para ele não terá mais mistérios e se reservará da total Abstenção de qualquer tipo de interferência , inclusive de sua própria opinião pessoal ou da entidade de como a entidade devera Agir, falar ou conduzir numa consulta entre tantas outras coisas. Muitas pessoas desistem no inicio, por não aceitar sua consciência e não conseguir trabalhar Psicologicamente essa questão e achar que é ele ali e não a sua entidade… De não insistir e entender que as incorporações irão se afirmando com o passar do tempo.. Pois nossa forma de trabalhar mediùnicamente é muitíssimo diferente de CANDOBLÉ e Espiritismo… E para a Umbanda a afinidade e sintonia nas incorporações é de fato, um pouco mais demorada… E nesse processo de ajustes e acertos, equalizações e estabelecer uma sintonia satisfatória, o médium deverá entender que haverá Sim Erros, o seu sobrepor a própria entidade, o animismo, porque faz parte destes reajustes.. Por isso o médium não deverá ser permitido ao estarem sob influencia das entidades; beber, fumar e principalmente, dar Consultas e Atender o Público, quando essa sintonia não se estabelecer de fato, Avaliado pelo dirigente Sacerdote e Guias Chefes da casa… Não é que não podem…. é normal as entidades não darem nomes de suas falanges no iniciar de um desenvolvimento mediúnico, pois o médium ainda não totalmente preparado mediùnicamente falando….. demora-se um certo período de tempo, para estabelecerem-se uma Sincronia entre sua Faicha Vibratória da Entidade para com o médium iniciante e somente quando houver harmonia, e com menos riscos de animismos por parte do médium, é que eles trazem sua falange completa.. Antes de tudo cada guia que incorpora é único, cada um é um Espirito em particular, com eu jeito de agir e pensar e orientar em suas consultas. O nome de que se utilizam é apenas um indicativo da forma que trabalham de sua linha e irradiação.. Por isso podemos ter vários espíritos trabalhando as vezes com o mesmo Nome, sem que sejam por isso um só espirito, ou seja um Preto Velho poderá vir e dizer. Sou Pai Francisco das Almas, e etc… E de nada terá com o chefe da corrente espiritual Pai Francisco da Guiné… É como ser um médico, engenheiro, etc… Todos possuem um conhecimento comum, além do conhecimento individual…. E com isto poderão trabalharem de forma bem diferentes, mas seguindo a mesma linha de maneira em geral…… A mesma coisa acontece com nossos guias, então é muito comum escutar::: Como é o Caboclo A ? Me conte a Estória de Preto Velho B, ?? , Como é o Ponto do Exú C ???… Isso poderá ocasionar vários problemas no iniciar de seu desenvolvimento, o médium lê uma descrição de que o Caboclo A fuma. E ele ficará com isso na “Cabeça”” assim que chegar o momento seu único de trabalhar com o seu Guia Caboclo A ((Também)), ele pedirá um Charuto Também, e a partir dai fica mais difícil de romper essa barreira anímica criada pelo médium em desenvolvimento… Ou então o médium Lê que o Exú B quando incorpora ajoelha no chão ai pensa “” nossa o que eu incorporo não ajoelha !!! “” e começa a se setor inseguro quanto a manifestação de seu Guia, podendo com isso atrapalhar até o seu iniciar desenvolvimento mediúnico… Quero assim deste modo resumir, a melhor form de conhecer seu Guia é através do tempo, do Desenvolvimento e dos Trabalhos com eles, assim pouco a pouco vocês ((( Entidade e Médium ))) vão se conhecendo e se respeitando mutuamente durante as Giras de Trabalhos do Ilê Axé Luz de Odara: saber como ele é, como gosta de trabalhar, e como age em suas consultas espirituais, etc… Mas a maior importância de ser um médium eficiente, seria em primeiro plano buscar uma casa, onde primeiramente você , que poderá ser um Adepto da Doutrina Umbandista, seria procurar se informar, se neste Terreiro existem pessoas capacitadas, com um razoável conhecimento em Umbanda, procurar saber sua origem, sua vida pregressa, buscar entender todas as normas desta casa, verificar os membros desta corrente, se serão pessoas com que você haverá de ter uma determinada convivência, com quem sabe; por diversos anos, são pessoas também que seguem a doutrina como busca de conhecimento espiritual e seu crescimento como pessoas de bem. S e após verificar, entender, compreender que este local Terreiro, onde esta escolhendo será sua casa de formação como Médium, se apresente sempre diretamente ao Sacerdote/ Sacerdotisa deste Templo e fale de suas intenções, diga quem é você e do porque escolheu este Terreiro onde haverá de ser formar, e ser um bom filho e um ótimo médium… Ouvir antes de entrar para a corrente quais serão seus DEVERES COMO MÉDIUM EM FORMAÇÃO NESTA CASA; E QUAIS SERÃO OS SEUS DIREITOS… Após assim dito, que sejas você um novo seguidor desta doutrina maravilhosa Chamada de UMBANDA SAGRADA

Eu preciso provar a alguém que estou realmente incorporado?
Não!!! Precisará jamais dar provas de que está incorporado.

Você não precisará jamais dar provas de que está incorporado ou a quem quer que seja, já que o seu guia fará com que tudo se pareça mais normal do que você imagina. MÉDIUM que tem preceitos, que busca caminhos do bem, que respeita a Seu Terreiro, que confia plenamente em sua missão.

A insegurança leva alguns médiuns a “Forçarem a Barra”” Movidos pelo medo de julgamentos alheios, interferem nas incorporações e aumentam os trejeitos do seu próprio Guias.  É o caso de quando observo aquele Sotaque Forçado, os giros excessivos, as risadas exageradas, entenda que não é preciso provar nada a ninguém, a entidade veio para fazer a caridade, e não para receber Aprovação dos Olhares dos Outros irmãos da corrente.  Cada médium poderá se manifestar com os seus guias de uma maneira bem peculiar e muito particular, alguns apresentam trejeitos, com sotaques, andares, e movimentos mais característicos do Arquétipo da sua entidade, enquanto outros nem tanto, sua presença é menos marcante e sua manifestação mais sutil, e não há nenhum problema nisso.  Para que a entidade faça a sua parte e a caridade, ela não precisar disto jamais, o passe, o descarrego, as curas, a aberturas de caminhos, entre outros nem tantos, dependem mais de uma manipulação energética do que como a entidade irá se apresenta. Estas bênçãos da espiritualidade se originam da união entre a vibração do guia com o próprio médium, irradiado na força dos Orixás, sustentados pelos ASSENTAMENTOS DOS TERREIROS. Os trejeitos auxiliam a caracterizar a linha de trabalho do guia, sendo fiel aos Arquétipos que representam, muitas vezes, a entidade Utilizam-se de um desses elementos mais pela FALTA DE FÉ DO CONSULENTE QUE POR UMA REAL NECESSIDADE DO MESMO. Sempre reforçamos: apenas deixe a incorporação fluir em sua totalidade e naturalidade, você não irá precisar fazer Caretas para mostrar que a entidade está ali presente através de você como medium, apenas relaxe seu campo mental, cesse as resistências da Mente e sinta o que a entidade quer lhe passar. Com o tempo, isto será instantâneo, e em vez de ficar se perguntando e/ou questionando se é o guia ou você, você apenas se observará dando liberdade a sua entidade. O seu Guia mostra-se presente não com atos físicos, nem com movimentos corporais forçados. E sim com boas orientações de seus mestres Sacerdotes e que sejam elas reais e verdadeiras, energias elevadas, respeito à Quirerearia e muita sabedoria. A verdade encontra-se no espirito de cada um e na sua missão concebida e escolhida por você bem antes de sua reencarnação neste mundo. E aqueles que a ela se abrirem, conhecerão o seu real e verdadeiro significado. Em nossa casa temos pessoas capacitadas para poderem usufruir de seus conhecimentos e sabedoria, porém é preciso que tenhas um interesse ainda maior no aprendizado sobre os Orixás e os Guias da Umbanda Sagrada.  Esperando assim poder ter tido dado a vocês filhos e filhas e simpatizantes da Espiritualidade e Médiuns ainda em formação e aos que já estão trabalhando ao bem da coletividade espiritual, algumas informações básicas e com profundo sentimento de que sermos Médiuns é muito mais do que todos nós possamos compreender, isto está acima de todos nós, então que sigamos esta missão dentro dos Preceitos e Orientações daqueles que se tornam mestres nossos em nossos caminhares por esta terra.

 

Como funciona a mediunidade consciente!!! O médium capta o fluxo mental do Espirito, gerando ideias e sensações, como se houvesse a intromissão de outra mente em sua intimidade; como se estivesse a conversar com alguém, dentro de si mesmo. OUVE UMA VOZ. Seria fácil, mas não é bem assim, ideias surgem, misturando-se com as suas, como se fossem dele próprio. PARECE COMPLICADO:  E é, sem dúvida, principalmente para médiuns iniciantes, que não distinguem o que é deles e o que é do Espirito.   Muitos abandonam a prática mediúnica, em face dessa incerteza, que realmente é muito perturbadora mesmo.  COMO RESOLVER ESSE PROBLEMA:  é preciso confiar e dar vazão ás ideias que lhe vêm à cabeça, ainda que pareçam embaralhadas, em princípio.  Geralmente a mediunidade é desenvolvida a partir da manifestação de Espíritos sofredores. O que é mais simples.   Não exige maior concatenação de ideias ou esforço de raciocínio.  Cumpre-lhe, em princípio, apenas exprimir as sensações e sentimentos que o Espirito lhe passa.  QUAL O CONSELHO QUE DAREI PARA O MÉDIUM QUE ENFRENTA ESTE IMPASSE Sentindo crescer dentro de si o fluxo de sensações e pensamentos, que tomam corpo independente de sua vontade, comece a falar, sem preocupar-se em saber se é seu ou do Espirito.   A partir daí o fluxo irá se ajustando.  É como um motorista Inexperiente na Direção de um Automóvel.  Em princípio há muitos solavancos, mas logo ele se ajustará com o veículo e a direção.   O QUE PODE SER FEITO ATRAVÉS DE MIM, PARA AJUDAR O MÉDIUM INICIANTE””. A participação dos irmãos do Ile Axé Luz de Odara é muito importante, o médium, nessa situação inicial, fica fragilizado, sente-se as vezes vulnerável e muito constrangido.  Qualquer atitude de Hostilidade ou Pensamento Crítico dos Irmãos de Fé, revelando desconhecimento do processo, poderá afeta-lo, para isto então serei preciso me ater a dar toda a atenção a este principiante.  SERIA RAZOÁVEL APLICAR PASSES NESTE MÉDIUM INICIANTE, EM DIFICULDADES PARA INICIAR AS MANIFESTAÇÕES MEDIÚNICAS DELE.  O passe poderia ajudá-lo, mas devemos ser econômicos na sua Utilização, a fim de evitar condicionamentos pelo médium.  Há médiuns que esperam pela INTERVENÇÃO do Pai, Mãe no Santo no Terreiro, cultivar a compreensão e a boa vontade, considerando que o animismo, a intervenção do próprio médium, é expressivo nessa etapa do Desenvolvimento. Aos poucos ele irá se ajustando, aprendendo a distinguir melhor entre suas ideias e as do Espirito.  VEJO COM FREQUÊNCIA MÉDIUNS DOTADOS DE RAZOÁVEIS FACULDADES MEDIÚNICAS” DESISTIREM DE SUAS FACULDADES MEDIÚNICAS”.  A sensibilidade não funciona apenas nas GIRAS, está sempre presente, é na Prática Mediúnica, com os estudos e disciplinas que lhe são inerentes, que o médium garante recursos para manter o próprio Equilíbrio, afastado, ele poderá cair em Perturbações e Desajustes.  É UM CASTIGO ISTO.  Não se trata disso, o problema está na própria sensibilidade que, não sendo controlada pelo exercício, situa o médium á mercê de diversas influências negativas, nos ambientes em que circule, e de entidades perturbadoras que se aproximam deste ou aquele médium esquecido nos preceitos e princípios naturais da mediunidade.  MAS ESSE PROBLEMA NÃO ESTÁ PRESENTE NA VIDA DE TODOS NÓS MÉDIUNS OU NÃO… Não Vivemos Rodeados de Espíritos Perturbados ou Perturbadores. SIM, e bem sabemos quantos problemas são decorrentes dessa situação, por total ignorância das pessoas em relação ao assunto em epigrafe aqui citados.  No médium Afastado da Prática Mediúnica é mais sério, porquanto, em face de sua Sensibilidade, ele sofre impacto maior ainda e com repercussões Negativas em seu Psiquismo. “” E SE O MÉDIUM, NÃO OBSTANTE AFASTADO DA PRÁTICA MEDIÚNICA”””. For uma pessoa de boa Índole, caridosa, afável, bem sintonizada, com semelhante comportamento poderá manter relativa estabilidade, mas será preciso considerar que a mediunidade não é um Acidente Biológico; e que ninguém Nasce Médium por Acaso. Há compromissos que lhe são inerentes e incompreensíveis as vezes por nossa filosofia de vida.   “”” O MÉDIUM JÁ VEM PROGRAMADO PARA ESTA TAREFA OU MISSÃO””.  Sim, trata-se de um compromisso assumido na espiritualidade, há um investimento no Candidato á Mediunidade, relacionado com Estudos, Planejamento, Adequação do Corpo. Tudo isso Envolve Dirigentes cuidados dos Mentores espirituais, imaginemos uma empresa investindo na preparação de um funcionário para uma determinada função.  Depois de tudo; será razoável ele dizer para você que ainda não está interessado. “”” MAS NÃO É CONTRA PRUDENTE O MÉDIUM PARTICIPAR DE TRABALHOS MEDIÚNICOS COMO QUEM CUMPRE UMA OBRIGAÇÃO OU UM CONTRATO PRÉ-ESTABELECIDO – TEMENDO SANÇÕES.  As sanções serão de sua própria consciência, que lhe cobrará, cedo ou mais tarde, pela omissão.  Para evitar essa situação é que os médiuns devem ESTUDAR a DOUTRINA, participando de estudos e lendo a respeito da Mediunidade, A Doutrina Espirita é a melhor opção para conhecer sobre mediunidade, mas esta deve ser direcionada pelo PAI ou MÃE no SANTO de sua casa ou terreiro, assim estará assimilando conhecimentos e podendo debater a este respeito. “”” E SE HÁ IMPEDIMENTOS PONDERÁVEIS… Filhos a Cuidar, Cônjuge Difícil, Profissão, Saúde etc.  Eventualmente isso pode acontecer, por algum tempo, o problema maior,

2. Entretanto, está no próprio médium que, geralmente, tenta justificar a sua Omissão, altamente improvável que a espiritualidade lhe Outorgasse a Mediunidade, sem dar-lhe Condições para Exercê-la continuamente em sua vida.  “”” E QUANDO A PARTICIPAÇÃO DO MÉDIUM GERA CONTURBAÇÕES NO LAR, A PARTIR DE UM POSICIONAMENTO INTRANSIGENTE DO CONSORTE (Esposo – a).  É para mim lamentável o casamento em que o Marido ou a Mulher pretendem criar embaraços á atividade religiosa do Cônjuge, é inconcebível!! Onde ficam o diálogo, a compreensão, o respeito ás convicções alheias!! De qualquer forma, embora tal situação possa justificar a ausência do médium, não o eximirá dos problemas inerentes á mediunidade não exercitada. “”” É DIFÍCIL ENCONTRAR PESSOAS QUE GUARDAM PERFEITA ESTABILIDADE EMOCIONAL E FÍSICA “””. Tem algo a ver com sensibilidade mediúnica!!! Sim tem tudo a ver, vivemos mergulhados num oceano de vibrações mentais, emitidas por Espíritos Encarnados e Desencarnados. Assim como podemos ser contaminados por vírus e bactérias, também sofremos contaminações espirituais que geram alterações em nossos estados de ânimo. “”” ISSO EXPLICA PORQUE PESSOAS TENDEM A FICAREM DEPRIMIDAS NUM VELÓRIO E FELIZES NUM CASAMENTO”””.  Sem dúvida o ambiente e as situações exercem grande influência, lembro-me da morte de Aírton Senna, provocou imensa comoção popular, até naqueles que não acompanhavam suas proezas no automobilismo, a emoção se expande e pode envolver multidões assim é a espiritualidade mediúnica também as vezes nos chama através de uma força esplendorosa. “”” ISTO EXPLICA TAMBÉM; AS ATROCIDADES COMETIDAS POR SOLDADOS, NUMA GUERRA.  A guerra produz lamentáveis epidemias de maldades, em face de nossa inferioridade, a crueldade tem livre acesso em corações ainda dominados pelos impulsos instintivos da Animalidade, propaga-se com rapidez de um Rastilho de Pólvora. “”” NO LAR PARECE ACONTECER ALGO SEMELHANTE, QUANDO PESSOAS PERDEM O CONTROLE E SE AGRIDEM COM GRITOS E PALAVRÕES, DESCENDO NÃO RARO Á AGRESSÃO FÍSICA”””. Em nenhum outro lugar demonstramos com maior propriedade nossa inferioridade, no lar rompe-se o Verniz Social, as pessoas mostram o que são, como não há Santos na Terra, conturba-se o ambiente, favorecendo contaminações de agressividade, que envolvem todos os membros da casa, assim também o é dentro de um Terreiro, que não tenham uma vigilância constante. “”” COMO FUNCIONA ESTA QUESTÃO DA SINTONIA”””. Tomemos, por exemplo, as ondas hertzianas, nas transmissões radiofônicas, elas se expandem dentro de frequências especifica, para ouvir determinada emissora giramos o Dial e a sintonizamos, nossa mente é um poderoso emissor e receptor de vibrações e tendemos a sintonizar com multidões que se afinam mentalmente conosco. “”” QUE PROVIDENCIAS DEVEMOS TOMAR PARA UM SINTONIA SAUDÁVEL”””. Consideremos, em princípio, que ela é determinada ela natureza de nossos pensamentos, lembrando o velho ditado ³³³ DIZEI-ME A NATUREZA DE TEUS PENSAMENTO, E TE DIREI QUE INFLUÊNCIAS IRÁS ASSIMILAR³³³.  “”” ISSO SIGNIFICA QUE EQUILÍBRIO E DESIQUILÍBRIO, PAZ OU INQUIETAÇÃO, ALEGRIA OU TRISTEZA, AGRESSIVIDADE OU MANSUETUDE, DEPENDEM, ESSENCIALMENTE, DE NÓS”””. Exatamente, embora nossos problemas físicos e psíquicos possam ser amplificados por influências ambientes, a origem deles está em nossa maneira de pensar e agir, se quisermos o Bem em nossa vida, é fundamental que pensemos e realizemos o BEM. “”” QUE LIVROS EU INDICARIA PARA UM INICIANTE DE UMBANDA”””   É preciso levar em consideração a cultura e a familiaridade da pessoa com a literatura, se for alguém habituado, com facilidade, O Livro dos Espíritos, O Livro dos Médiuns e O Evangelho Segundo o Espiritismo, nessas três obras de Allan Kardec, temos na mesma ordem, o tríplice aspecto do Espiritismo: Filosofia, Ciência e Religião, estes nasceram não para a aceitação inicial da espiritualidade e sim para todos que creem na existência dos espíritos, mas para a aceitação inicial da espiritualidade e conhecimento especifico dentro da UMBANDA SAGRADA, caberá ao iniciante conhecer livros sérios que nos dão uma noção da Umbanda correta, não esquecendo de forma alguma informar ao seu PAI ou MÃE no Santo, sobre seus estudos, infelizmente (OU FELIZMENTE) Na Umbanda ainda não existe um livro que possamos pegá-lo como base de estudo para todos, pois a verdade do Ile Axé Luz de Odara e dos Terreiros de Umbanda é que a cada Casa atribui sua Doutrina e esta deve ser respeitada pelo iniciante, damos sempre como base a Doutrina Espirita, pois a mesma nasceu para ensinar a todos sobre a espiritualidade. “”” O QUE É ANIMISMO”””. Na prática mediúnica é algo da alma do próprio médium, interferindo no intercâmbio.  Kardec empegou o termo sonambulismo, explicando, em Obras Póstumas, quando trata da manifestação dos espíritos, item 46: O sonâmbulo age sob a influência do seu próprio espirito; sua própria alma é que, em momentos de emancipação, vê, ouve e percebe além dos limites dos sentidos.  O que ele exprime haure-o de si mesmo. “”” O Animismo está sempre presente nas Manifestações”””. O médium não é um telefone, ela capta o fluxo mental da entidade e o transmite, utilizando-se de seus próprios recursos, sempre haverá algo dele mesmo, principalmente para distinguir entre o que é seu e o que vem do espirito. “”” EXISTE UM PERCENTUAL ENVOLVENDO O espirito e o médium.

3. ANIMISMO NA COMUNICAÇÃO”””. Digamos, algo como quarenta por cento do médium e sessenta por cento do espirito, se o animismo faz parte do processo mediúnico, sempre haverá um percentual a ser considerado, não fixo, mas variável, envolvendo o grau de desenvolvimento do médium, geralmente os iniciantes colocam mais de si mesmos na comunicação, quando experientes, tendem interferir menos.  “”” PODE OCORRER UMA MANIFESTAÇÃO ESSENCIALMENTE, ANÍMICA, SEM QUE O PRÓPRIO MÉDIUM PERCEBA”””. É comum acontece, quando está sob tensão nervosa, em dificuldade para lidar com determinados problemas de ordem particular, as emoções tendem a interferir a ele acaba transmitindo algo de suas próprias angustias, em suposta manifestação. “”” SERIA MISTIFICAÇÃO””“ Não porque não há intencionalidade, o médium não está tentando enganar ninguém, é vítima de seus próprios desajustes e nem mesmo tem consciência do que está acontecendo.  “”” O QUE DEVERÁ FAZER O PAI E MÃE NO SANTO, QUANDO PERCEBER QUE UM FILHO NO SANTO ESTÁ ENTRANDO NESTA FAIXA”””. É preciso cuidado, o PAI/MÃE no santo menos avisado pode enxergar animismo onde não existe, se a experiência lhe disser que realmente está acontecendo, deve conversar com o médium, em particular, saber de seus problemas e encaminha-lo ás Giras de Desenvolvimento e ou tratamento espiritual, toda a atenção dos Pais/Mães no Santo devem ser direcionadas a este filho e estar, atento a esta’ à mediunidade, é comum percebermos que pela ignorância (do saber) é mais fácil deixa-lo de lado, ou ainda exclui-lo do corpo mediúnico, muitas das vezes estes são execrados dos Terreiros, não por ser um animista, e sim pelo desconhecimento do PAI/AME no Santo sobre o assunto , se persistir o problema, o médium deve ser orientado a participar de todas as Giras como suporte, auxiliando em todos os trabalhos do terreiro.  “”” QUANDO É QUE O PAI/MÃE no Santo DEVE PREOCUPAR-SE COM ANIMISMO”””. Quando ocorrer a manifestação de um espirito que se diz orientador, é preciso passar o que diz pelo crivo da razão, distinguindo não apenas um possível animismo, mas também, uma mistificação do Espirito comunicante.   “””   O MÉDIUM QUE SE SINTA ENFERMO DEVE RESGUARDAR-SE, DEIXANDO DE COMPARECER Á GIRA”””. Depende do tipo de problema que esteja enfrentando, se fortemente gripado, febril, é conveniente que se ausente, resguardando também os irmãos, que podem contrair seu mal, mas há sintomas físicos e psíquicos que apenas revelam a proximidade de ESPIRITO SOFREDOR, não raro trazido pelos mentores espirituais para um contato inicial, a favorecer a manifestação. “”” NESSE CASO, MESMO NÃO SENTINDO BEM, O MÉDIUM DEVERÁ COMPARECER”””, SIM, porque o que está sentindo é parte de seu trabalho, exprimindo as angustias e sensações do Espirito, relacionados com a doença ou os problemas que enfrentou na vida física.  “”” ISTO SIGNIFICA, QUE UMA DOR NA PERNA, POR EXEMPLO, PODE TER ORIGEM ESPIRITUAL”””. É comum, acontece principalmente com o médium que tem sensibilidade mais dilatada, ao transmitir a manifestação de um Espirito, que desencarnou por problemas Circulatórios cuja Perna Gangrenou, tenderá a sentir dor semelhante, não raro antes da reunião, devido á aproximação da entidade. “”” OCORRE O MESMO EM RELAÇÃO ÁS EMOÇÕES”””. É frequente, sintonizado com o espirito, o médium capta o que vai em seu íntimo, se a entidade se sente atormentada, aflita, tensa, nervosa ou angustiada, experimentará algo dessas emoções. “”” E SE O MÉDIUM, IMAGINANDO QUE ESSES SINTOMAS FÍSICOS E EMOCIONAIS ESTÃO RELACIONADOS AOS PRÓPRIOS PROBLEMAS DECIDE NÃO COMPARECER ÁS GIRAS”””. Se alguém nos confia um doente para leva-lo ao hospital, e decidimos instalá-lo em nossa casa, assumiremos o ônus de cuidar dele, certamente nos dará muito trabalho, principalmente se for doente mental.“”” É POSSÍVEL QUE ESSA LIGAÇÃO COM ENTIDADES PERTURBADAS OCORRA INDEPENDENTEMENTE DA INICIATIVA DOS MENTORES ESPIRITUAIS”””. É o que mais acontece, vivemos rodeados por espíritos destrambelhados, sem nenhuma noção da vida espiritual, que se agarram aos homens, como Náufragos numa tábua de salvação, nem é necessário ter mediunidade ostensiva, todos estamos sujeitos a sofrer essa influência.  “”” DIGAMOS QUE O MÉDIUM RECEBA INFLUÊNCIA DESSA NATUREZA NA SEGUNDA-FEIRA E SÓ COMPARECERÁ AO TERREIRO NO SÁBADO””” Sofrerá durante a semana toda, com experiência e a dedicação ao estudo ele aprenderá a lidar com estes problemas, cultivando a oração, os preceitos e dialogando intimamente com a entidade que, com o concurso de mentores espirituais, será amparada de imediato. “” DEVEMOS INFORMAR A ESSE RESPEITO PESSOAS QUE PROCURAM O YLE AXÉ LUZ DE ODARA, PERTURBADAS POR TAIS APROXIMAÇÕES”””    É preciso muito cuidado, pessoas suscetíveis, que guardam ideias equivocadas, relacionadas com influências demoníacas, podem apavorar-se. E com isto nunca mais porão os pés no Terreiro.  “”” O que fazer então, ter sabedoria e discernimento sobre o assunto e realmente conhecê-lo ao ponto se não entender é melhor procurar pelo PAI/MÃE no santo e levar o assunto em questão para que eles com conhecimento maiores possam orientar a quem vier a precisar destas orientações. Vale o ditado (Quando eu não souber, irei perguntar ou levar a tua situação aos meus mestres).

Geralmente as pessoas tem muitas dificuldades para se manterem estáveis emocionalmente no dia a dia comum a todos nós, variam algumas muitas destas, da tristeza a alegria, da depressão a euforia, do bom animo ao desalento, nem sempre essas emoções estão associadas ao dia-a-dia, tem com certeza algo a ver com Mediunidade Espiritual. SEM DUVIDA ALGUMA. Essa ciclotimia, essa diversificação inexplicável de estados emocionais, está e estará associada à natureza dos Espíritos que se aproximam de todos nós, das influencias que todos sofremos as vezes mais as vezes menos, mais sempre por influencias espirituais…. 2° – As Almas dos Mortos: SIM. Homens desencarnados, libertos da matéria, mas presos aos interesses humanos, vaidade, soberba, vícios, sexo desenfreados, bebidas, drogas etc. permanecem entre nós e acabam nos influenciando e motivando e até conduzem. Obs. na questão 459, de O livro dos espíritos, os mentores espirituais que respondem a Kardec informam que essa influência é tão intensa que, não raro, são eles que vezes ou outras são quem nos dirigem… 3° – PORQUE FAZEM ISSO. QUAL PROPÓSITO DELES ENTÃO??…  As motivações desses espíritos atendem à sua própria condição, há os que estão perplexos e querem a nossa ajuda; os que se divertem em Atazanar nós os Encarnados; os que exercem Vingança; os que se Vinculam aos Vícios e desejam intermediários para satisfazerem-se…. 4° – COMO DISTINGUIR NOSSOS PENSAMENTOS DAQUELES QUE É INSPIRADO POR UM DESENCARNADO“”… Em princípio é difícil, porquanto o fluxo mental dos espíritos aos quais nos associamos exprime-se e nossa mente como se fossem nossos próprios pensamentos, algo de nosso intimo interior… 5° – Isso significa que tanto pensamentos quanto as emoções podem refletir simplesmente o que se passa com o Espirito que se aproxima de nós… EXATAMENTE: Mas será preciso considerar a questão da sintonia entre encarnado e desencarnado, geralmente essas entidades guardam compatibilidades com as nossas maneiras de sermos de agirmos, tendências e ideias complexas que se sintonizam com eles diretamente…. 6° – Segundo esse princípio, seria impossível, por exemplo, um Espirito induzir ao SUICÍDIO alguém que jamais um dia COGITOU desta tal iniciativa pessoal dele mesmo. SIM: se o desencarnado consegue incutir na pessoa este DESEJO DE MATAR-SE, certamente ela é simpática a essa ideia, admite-a e chega a acalentá-la sempre…. 7° – Como podemos superar essas Influências Negativas, habilitando-nos a receber apenas as boas Influências em nossas vidas mediu nicas ou não… Na questão 469 de O Livro dos Espirito, Kardec faz essa pergunta… O Mentor proclama, Incisivamente: Praticando o Bem e pondo em DEUS a vossa confiança… Teremos aí um precioso roteiro para nos livrarmos destas influências negativas….  8° – COMO ISSO FUNCIONA NA PRÁTICA REAL. A confiança em Deus sustenta o equilíbrio das emoções, nas situações mais difíceis em nossas vidas, evitando os estados depressivos que nos tornam Vulneráveis e presas fáceis as influências negativas inferiores; a prática do Bem nos colocará sempre em sintonia com as fontes da Vida, facultando a Infalível proteção de nossos Benfeitores Espirituais, neste caso os nosso Guias Espirituais. Um medi um por exemplo se tiver com seus pensamentos um tanto negativos, e se não estiver sempre bem preparado para as mazelas prestadas pelos espíritos inferiores, com certeza cairá nestas e outra tentações e ou armadilhas que estes espirito nos fazem a nós encarnados…  Sim… temos por obrigação de sempre estarmos preparados para estas possíveis lutas em nossas vidas, também porque nós; somos seres humanos, e almas ainda em evolução constante em nosso meio social e espiritual.

As influencias são muitos sutis, na intenção de abalar e acabar com um agrupamento de trabalhadores da Mediunidade, as organizações trevosas movimentam os mais variados recursos e tecnologias, o conhecimento não pela propriedade somente dos espirito bondosos a sabedoria SIM.   Imaginai o manancial de conhecimento que adquiriu um espirito empedernido para o Mal, no ódio, em milênios de reencarnações, e mais algumas centenas de anos, conseguindo fugir à reencarnação, tal o seu poder mental, imperando no baixo Astral como se fosse Príncipe, com disciplina rígida sobre seus súditos, liderando exército de seguidores, caracterizando-se por verdadeiro Mago Negro, conhecedor profundo da Psicologia e da Fisiologia Humana, estuda com Frieza e Pormenorizamente, dispondo de recursos técnicos condizentes, por extenso período e sem pressa, os pontos fracos e as brechas cármicas daqueles que querem fragilizar.  Aumenta, acentuadamente, os sentimentos negativos, quando lhe dão abertura, num processo de Indução Mental, Cria diversas situações e das mais variadas e engenhosas para o envolvimento e, quando menos espera, o MÉDIUM ESTÁ EM CONFLITO COM O DIRIGENTE OU ODIANDO O IRMÃO AO LADO, EM DECORRÊNCIA QUE BEIRA O INUSITADO E PELOS MOTIVOS MAIS BANAIS* Para tanto aos médiuns mais desavisados, que se cuidem observando as suas próprias ações pessoais, tanto na vida profissional bem como na vida espiritual.   Por isso eu sempre oriento, vigiai até seus pensamentos, porque a gente nunca sabe, quando estamos cercados por estes indivíduos do baixo clero. E quando fincamos em nosso Terreiro a nossa própria fé, estamos nos conduzindo ao único caminho de nossa salvação, obedecendo as normativas ensinadas pelo Espirito da Verdade Nosso Senhor Jesus Cristo.

A Demanda consiste em vibrar energias negativas para outras pessoas, seja simplesmente através de um pensamento maldoso ou através de Artifícios Magisticos usados de forma negativa, através de oferendas como formas de pagamentos para espíritos trevosos, embusteiros, verdadeiros marginais do Astral, ao qual eu denomino como KIUMBAS. Aquele que demanda, crê no seu egoísmo, na sua certeza de estar certo e o faz com a intenção de atingir o seu destino, com os mais diversos fins, uns desejam doenças, outros desejam tumultos familiares, perca de empregos, atritos conjugais, enfim os mais variados fins maldosos e negativos para com outrem, a questão é, será que toda demanda lançada, terá êxito em atingir o seu destino e realmente a pessoa destinada, será afetada por tal demanda enviada ou desejada.   Uma demanda somente terá êxito, se o endereçado, estiver também vibrando negativamente, caso este, esteja bem consigo mesmo, com bons pensamentos, uma energia elevada, sintonizada nas práticas do bem e do amor, raramente será atingida, porém, se a mesma em algum momento se Afinizou com tais energias, pensou, desejou algo Negativo, ela poderá sim! Ser atingida e sofrer as consequências deste malmandado ou enviado, daí a necessidade de estarmos sempre em elevação mental, para que possamos atrair para nossas vidas, somente as energias beneficias.  Se a pessoa endereçada não for merecedora de tal Magia ou Pensamento obscuro, ela sofrerá a intervenção do plano espiritual Divino e através de seu ANJO de GUARDA, GUIAS e Mensageiros divinos, esta pessoa será revestida de proteção e este mal normalmente votara ao seu endereço dissipado pela espiritualidade do bem, porém, aquele que desejou tal maldade, hora ou outra, sofrerá as consequências de seus próprios atos e de alguma forma pagará pela sua má intenção, pois o plano espiritual é perfeito em suas ações e o Demandador jamais ficara Impune sobre seus Atos Maléficos em sua vida. Existem também as demandas de ordem própria e individual, aonde uma pessoa produz tantos pensamentos negativos, que poderá atrair para si, energias condensadoras que não foram endereçadas a mesma, causando os mais variados tipos de sofrimentos, que iniciam em um processo espiritual, podendo inclusive desencadear doenças físicas, chamo estas, de demandas internas, pois a própria pessoa se AUTO SABOTOU, e atraiu para seu campo Áurico Malefícios que desconhece, daí a necessidade de estarmos sempre muito bem conectados com as forças divinas, Vigiando e Orando, para que possamos tão somente atrairmos para as nossas vidas Energias Benéficas. Eu e Nós somos o que Vibramos e consequentemente o que Atraímos, Vibremos o bem, para que, somente o Bem possa estar implícito em nosso caminhar Terreno e Mediúnico em nossas vidas. Sim em nossa casa de Socorro Espiritual devamos evitar conversas paralelas chamadas (fofocas), e coisas que não irá agregar a nós Médiuns nada de útil e agradável. Que todos nós sejamos Exemplos de Humildade e Sinceridade, jamais prejulguemos este ou aquele médium novo ou mais velho dentro da corrente espiritual do Ilê Axé Luz de Odara de Jacarei SP. Assim sejamos mestres da Sabedoria do Silencio, e é isto o que importa, não fazemos alardes pelas conquistas daqueles que vem em busca de uma Orientação ou Socorro Espiritual, porque sabemos que estes são merecedores das energias do bem implantadas em nossa casa e em nossas Giras.  Sacerdote: Babá ifa toki

O primeiro, e o mais importante, local para aprender sobre a Umbanda é no chão do próprio terreiro.  Não há livros, textos, cursos ou vídeos que substitua a experiência direta.  Há saberes que não são possíveis de serem transmitidos por meios das palavras; somente sentindo o Axé. Não negligencie este aspecto, ele é fundamental.  É no terreiro, também que temos o privilégio de ouvir os mais velhos. Muitos podem nem saber ler e escrever, porém carregam imensos conhecimentos e sabedorias. Não importa quanta informação você tenha acumulado na sua mente, nada superará a vivencia de 20, 30, 40 anos nesta Religião. Seja humilde; escute mais, fale menos. Esteja atento ás SÚTIS formas em que o ensinamento é dado tanto pelo Zelador Zeladora Sacerdote ou Sacerdotisa do Templo.     Originalmente, era desta maneira que se aprendia sobre Umbanda. Durante as GIRAS, somos mais uma vez agraciados, uma vez que recebemos a maravilhosa oportunidade de conversarmos com as entidades. Elas possuem muito a ensinar, e com boa vontade ensinam para aqueles que têm Ouvidos para Ouvir. Novamente, a humildade é essencial. Esteja sempre pronto (a), a servir, a Ouvir, mesmo que seja um Suave Puxão de Orelha. Cada Guia porta valiosas lições para distribuir. E tão importante quanto os anteriores são os ensinamentos de seu Sacerdote PAI/MÃE no Santo. Ainda que em sua casa não haja um momento separado para os estudos sistematizado da Umbanda, os conhecimentos estão sendo passados dos Dirigentes aos filhos de santo. Por esta razão, procure Desenvolver uma boa relação com o/a sacerdote. Siga suas orientações. Quando você se deparar com a Diversidade de nossa Doutrinas e tradições presentes em nossa Religião, será ele a tirar suas Dúvidas. Envolva-se com as atividades do templo religioso.  Ajude com o que puder e for possível.  Não seja aquela pessoa que chega em cima da hora e é a Primeira a Ir Embora. Não vá a Gira apenas para incorporar. Com frequência, por exemplo num momento simples de limpeza coletiva do terreiro muitas lições são dadas e imensos aprendizados podem ser passados neste dia. A Umbanda é muito mais do que Manifestações Mediúnicas.    Há conhecimentos que somente aqueles que são ativos no Axé tem e terão acesso. Outro aspecto relevante deste processo de aprendizado dentro do terreiro é o desenvolvimento mediúnico. Mais do que vibrar o Axé dos Guias e Orixás, é um período de se aprofundar no Autoconhecimento. Você amplia sua percepção das diferentes energias, ganha mais confiança sobre o seu DON, sente-se mais seguro de si mesmo.  Um momento especial em que suas Sombras Emergem e te Encaram. O resultado é um sólido amadurecimento espiritual. Muitas e muitas Giras vivenciará. Diante do Congá, amplas histórias se desenrolarão.  Você conhecerá todo tipo de pessoas e as mais diferentes expressões das dores humanas. O terreiro acolherá a cada um que buscar o seu consolo.   Não haverá Julgamento, Pedras não serão jogadas, Discriminações de Gêneros, Cor ou Raça e até Religião. Todos serão recebidos de braços abertos. E esta será a mais valiosa lição que a Umbanda Sagrada lhe oferecerá como médium da casa, do terreiro ou templo:  A capacidade de Amar Indiscriminadamente qualquer pessoa que adentrar o recinto do terreiro. Aprenderá com os mais velhos e também com os mais novos que a Umbanda não tem idade pra começar mais sim idade para contemplar sempre a bondade e a humildade de um Pai Francisco da Guiné, o Amor de uma Vovó Maria Redonda; a firmeza de um Caboclo Flecheiro das Matas Virgens e/ou doçura de uma Cabocla Janaína, a alegria de um Francisquinho e/ou a peraltice de uma Rosinha.  A umbanda escolhida como caminho e religião poderá fortalecer você a se encontrar consigo mesmo através da simplicidade e humildade. Dentro do espirito de colaboração e união entre os seres a Umbanda vem através destas entidades nos ensinar de que o Amor é tudo nesta vida. Sarava Axé e Asé somos filhos desta Umbanda Sagrada. SARAVÁ – AXÉ.   Ile Axé Luz de Odara – Jacarei SP.    Babá ifa toki.

Devido ao preconceito (falta de informação e conhecimento), muitas pessoas acreditam, devido a uma imagem distorcida e falsa, que a UMBANDA é uma religião sem evolução, aonde somente se pratica o mal, lidando com energias malignas.   Tais fatos nos levam, muitas vezes, a negar a Umbanda, afinal, ser “Espirita” ou católico é mais fácil e não causa tantos arrepios. Médiuns com grande capacidade espiritual costumam fugir dos Centros Umbandistas ou quando assumem sus religiosidade dentro da Umbanda enfrentam o medo de novo, a contrariedade da família e ainda precisam enfrentar o preconceito de pessoas sem nenhum esclarecimento. Precisamos mudar essa imagem negativa da Umbanda e para isso temos todos que ter sempre em mente que a Umbanda é uma religião que prega as mesmas verdades e busca das Leis de DEUS, a mesma paz de espirito que todas as outras religiões.  Muitas pessoas confundem lugares aonde mexem com a espiritualidade inferior, sem nenhuma preocupação com a evolução do espirito, como sendo Umbanda. Existe muitos terreiros de puras feitiçarias comandando pelo baixo astral; lugares aonde a pratica de trabalhos inferiores, aonde não é empregado as LEIS DE DEUS, casas onde são feitas amarrações, demandas e magias negativas; locais que prometem milagres e comercializam a Fé alheia … e para tudo isso é usado o nome da Umbanda! Por esse motivo o povo umbandista é descriminado, ironizado e ridicularizado.   Somos sempre julgados e analisados a todo momento e em todas as Giras pois as pessoas nos veem e nos olham com medo, insegurança e desconfiança já imaginando ” O perigo ” que será a convivência com um umbandista.   Somos uma religião ainda muito preocupada com a evolução do espirito, com a criação de DEUS EM SUA TOTALIDADE…  Eu me orgulho de ser Umbandista e Bato no Peito mesmo, com toda a convicção, amor e respeito pois sou filho de Orixá e Eles estão em mim assim como eu estou neles.  Axé a todos os Umbandistas de fato e de ato que assumem, e Amam e Respeitam a nossa bela religião e os Sagrados Orixás!!!, Esperando que todos os filhos e filhas e amigos entendam que a Umbanda não é, e nem será um caminho florido em sua vida, mas sim será um grande aprendizado onde você deverá encontrar-se consigo mesmo através da caridade e amor ao próximo. Lembrando que as religiões apesar de serem ainda o freio deste mundo, a Umbanda caminha a passos largos nos dias de hoje, e em breve se tornará um caminho para que todos possam entender de que tudo o mais será para o bem comum da UMBANDA.

É colo para quem busca, mão para quem dá a sua, os olhos para quem dorme, e direcionamento para quem precisa além da cura a quem busca é claro. Orixá se fosse um verbo, seria abraçar. Dar seu peito para que o outro sinta o coração bater. Envolver nos braços aquela outra vida e mostrar a ela, que ela existe e importa. Orixá é um abraço constante do Céu Azul, da Chuva das folhas e das Matas, da Estrada aberta, do Fogo da Água doce, do Mar e do Branco de minha casa de Axé e dos sábios conselhos e orientações de meus Sacerdotes e/ou Sacerdotisa do meu templo; ou seja, de minha Iyanifa Talabi ou de meu Baba Yfa Toki. Recorrer a Orixá é um presente e as mágoas que carregamos de tudo que veio antes e depois. Dele, fazem parte esse Reconhecimento e minha Gratidão. Se perder no caminho as vezes faz parte, chorar faz parte, até duvidar as vezes faz parte. Mas se a humildade em reconhecer Sua presença e Seu poder sobre aquilo que nos é de Direito e Necessário não fizer parte, então na verdade, ainda não se entendeu verdadeiramente o que realmente é um ORIXÁ. Se não fizermos a nossa parte, procurar entender que uma Sacerdotisa é para nós um caminho de ensinamentos e sabedoria, é como se não entendêssemos e nem acreditássemos no intocável e Sutil, que são as energias destes orixás através dos ensinamentos básicos de nossa ideologia e fé nestes amáveis Orixás. Que nosso Axé se junte com o imenso Asé de nossa Sacerdotisa e creiamos que unidos aos ensinamentos e aprendizados seremos mais fortes, e as nossas caminhadas serão menos extensas e cansativas. Confiar e acreditar em nossos Orixás e Orientadores; é como; buscar um renascimento novamente nesta vida, através da espiritualidade amiga e fraterna.  Salve a todos Orixás. Ile Axé Luz de Odara. Jacarei SP. Baba Yfa Toki

Em um início de trabalho, chegue, se troque, se sente no seu toco e observe sempre, atentamente até o iniciar da GIRA: A maledicência e o julgamento são hoje, infelizmente, grandes males que foram naturalizadas nas rodas de conversa. São muitos os grupos de amizades que se sustentam em torno da prática de se comentar a vida alheia. É o principal assunto. É relevante compreender, contudo que este hábito é Destruidor para a vida de quem o realiza e o faz disto as vezes uma pratica habitual em sua vida.  A Fofoca rebaixa seu estágio vibratório.   Polui sua mente e o ambiente de trabalho “TERREIRO” com as mais diversas Negatividades. Atrai espíritos afins, que se fortalecem na Discórdia e Desarmonia.   Preenche seu coração com um falso sentimento de superioridade, atrasa a evolução de seu espirito e banaliza o seu cotidiano.   Pode ter certeza que o impacto não é e nem será positivo e também não é pequeno. Mais o importante do que o alimento físico que nutrimos nosso corpo físico, é como alimentamos o nosso espirito. Tudo aquilo que falamos, vivemos, sentimos, ouvimos e dizemos é interiorizado em nossa alma. Quando ocupamos nosso tempo com hábitos negativos, plantamos frutos amargos que Inevitavelmente serão colhidos posteriormente por nós mesmos. “A Lei de Causa e Efeito é e sempre será Soberana”.   Procure superar a lógica de “panelinhas”. Não há “nós” contra eles.   A vida não está dividida como times de futebol. Não pense que o seu Grupo é o mais Correto e todos os outros são Errados.   Ou que o mundo está do jeito que está por causa das outras pessoas. Este é um pensamento primitivo. Neste planeta, somos todos seres imperfeitos com graves defeitos morais e de toda a ordem. Estamos ainda distantes dos ideais de uma moralidade perfeita e correta. A empatia, isto é, a capacidade de se colocar no lugar do próximo, é um dos principais sinais de Maturidade Espiritual. Você não sabe o que se passa na vida de uma outra pessoa, o que leva ela a agir como está agindo.   Está julgando apenas pelas aparências e pior, passando à frente situações que, com frequência, não sabe se são Reais e/ou Verdadeiras. Se alguma coisa nela te prejudica, tente, antes de tudo, conversar fraternalmente com esta pessoa a quem tem algo de diferente com ela.   No que diz respeito ao Ideal de não julgamento das atividades das pessoas, precisamos destacar que isto não se aplicam a dois casos. Primeiramente, as condutas políticas e administrativas dos detentores de cargos públicos. Neste ponto, enquanto cidadãos, temos o dever de avaliá-los e expressarmos a nossa posição ao bem de nossa comunidade.   Eles estão lidando com aquilo que é coletivo.   E, em segundo lugar, não devemos fechar os olhos ás injustiças do mundo. É preciso combater os comportamentos violentos, agressões físicas e psicológicas, abusos, assédios, discriminações, entre outros tantos.   Façamos o esforço de conversarmos sobre aquilo que é benéfico e elevado ao nosso próprio crescimento espiritual. Salvo as exceções Citadas Acima, sejamos rigorosos: nem palavras sobre a vida alheia. As Palavras têm Poder.   A diferença entre o ABENÇOAR e o AMALDIÇOAR está no bem ou mal dizer. E tudo aquilo que direcionamos ao próximo, retorna a nós Multiplicado. Observamos pessoas que vivem como se estivessem em guerra contra os outros. Sempre na Defensiva, em constantes Tensões prontos para descarregarem palavras e Ofensas Afiadas. Se Somos Sinceramente Espiritas Umbandistas de Fato e de Ato, desarmemos nosso Coração. É nesse Altar Sagrado, Jacutá e/ou Congá que oferecemos o que temos de melhor a Espiritualidade.  E, é neste “Ile Asé Luz de Odara” onde plantamos o que estamos todos nós colhendo nos dias de hoje. O amor e a Prosperidade infinita. Sarava a nossa Umbanda Sagrada. Asé aos nossos Orixás da casa.   Baba Yfa Toki.

Se você, ao entrar em um terreiro pede licença e saúda os assentamentos e as firmezas da casa. * Se voce, ao ficar diante de Preto Velho se ajoelha e pede sua benção; * Se voce, ao se afastar de um Guia ou do Altar, sai de costas e permanece de frente para o Altar; * Se voce, ao conversar com uma entidade, se curva e abaixa o olhar em sinal de respeito; * Se voce, ao tomar passe, agradece de coração a entidade que o atendeu;  * Se voce, ao ganhar de um Guia um gole de bebida, pega sempre a caneca com as duas mãos; * Se voce, ao ser convocado chamado para um trabalho difícil, não se envaidece e se prepara com amor; * Se você, ao ser corrigido por seu Pai/Mãe no Santo, não se enfurece, mas entende que é para sua própria evolução;  Se você, ao encontrar seu Pai/Mãe no Santo, toma a sua benção, seja onde for e onde estiver; * Se você, ao cantar determinados pontos de Umbanda ainda se emociona como início quando adentrou na corrente; * Se você, ao perceber um erro de alguém, não critica, mas procura orientar ela de forma adequada educada, e com vós baixa; * Se você,  ao não entender um ensinamento ou doutrina, pergunta, ao invés de fingir que entendeu ou até mesmo compreendeu;* Se você, ao ouvir comentários desnecessários dentro do terreiro os Ignora e não se envolve; * Se você, ao fim de um dia de Gira ou culto fica feliz e ansioso pelos próximos trabalhos, * Se voce, ao faltar a uma Gira ou em algum trabalho, pede desculpas aos seus Guias por sua falta; * Se você ao fim de uma gira fica ansioso pelos próximos;  * Se voce, ao se sentir fraco, busca a ajuda de sua casa ao invés de se Afastar dela; * Se voce ao apresentar algum problema em sua casa, não se omite e toma as devidas providencias, mostrando-se atuante; * Se voce preocupa-se tanto com o seu próprio desenvolvimento quanto com os outros; * Se voce tem respeito e amor verdadeiro por sua casa, e entende o quão é difícil em vários momentos mantê-la;  * Se voce é daqueles que se preocupa com as despesas de sua casa espiritual, pois bem sabe, que para manter tudo isto existe um esforço imenso por partes dos dirigentes e que as vezes custeiam todas as despesas quase sempre sozinhos; * Se voce, preocupa com todos os objetos Sagrados da Casa os cuida e os mantém sempre protegidos. Você é daqueles que a Umbanda deseja que venham para ficar e honrar a espiritualidade. Ile Axé Luz de Odara. Jacarei SP. Baba Ifa Toki.

Os médiuns mais Novos deixam-se perturbar pelos meandros da consciência durante a incorporação.   Uma das mais tortuosas questões é se a entidade realmente está ali presente. “Sou eu ou Guia? “é a pergunta clássica.   É preciso entender, entretanto, que por mais forte que voce sinta a energia, faz-se necessário a fé na própria incorporação e/ou mediunização.    A entidade não virá de tal maneira que você não tenha a certeza absoluta na realidade do mundo espiritual.   Ela não nos faria bem se assim agissem. Quanto mais nos é permitido ver e sentir, quanto mais provas da espiritualidade nos sãos concedidos, mais nos é cobrado. E tendo o privilégio destes conhecimentos, e ainda assim atuando de forma incorreta, o peso de suas ações seria muito maior.   Com mais rigor seria executada a Lei Causas e Consequências. As pessoas têm resistência para crer. Mesmo que DEUS descesse do céu numa Carruagem de Fogo, duvidariam da realidade e do fenômeno.   No sentido, não importa o que a entidade faz ou deixa de fazer, os questionamentos do médium iniciante persistem quase sempre.   Para que a confiança e a segurança se estabeleça, é necessária uma certa intimidade com os guias que somente o tempo é capaz de construir. Nos tempos atuais, a tendência é quase as incorporações sejam cada vez mais conscientes, por determinação da própria espiritualidade. Não basta mais ser um receptáculo passivo nos mecanismos energéticos de um Terreiro, é desejo de nossos guias que aprendamos e evoluamos juntos com eles.  Por esta razão, voce realmente verá e observará tudo e precisará crer no que sente.   A entidade não precisa ser bruta, nem agressiva, nem violenta para se mostrar presente.  Ela pode vir de forma Suave e Harmônica.  Há força sutil.  Como ensinou meu Caboclo Flecheiro das Matas Virgens, há muito tempo ” Não use a incorporação para preencher sua falta de Fé.    A incorporação não é um choque Elétrico que quanto mais; Tremer seu Corpo mais Forte e Real é”. Ensina-nos os espíritos que quanto mais adiantado é um Guia, mais leve e sutil é sua energia.   E, por este mesmo motivo, menos influência consegue exercer diretamente sobre a matéria. Quando uma entidade deseja manifestar-se, ela precisa Rebaixar-se Vibratóriamente, o que lhe exige um intenso esforço. Cabe ao médium, por outro lado, facilitar este processo, elevando ele mesmo a sua Vibração neste momento. Não fique preocupado com o que deve fazer ou não durante o processo de incorporação. É a própria entidade que é responsável por fazer ela acontecer.    Você é somente seu “cavalo” aquele cujo mental deve ser domado para que seu Axé e sua sabedoria e aprendizado possa ser transmitida para quem dela vier a precisar. Porém, confie no que está sentindo. Dê vazão aos movimentos, não se trave, não broqueie as ações dos seus Guias.    A fé, de um lado, poderá ser vista como sentimento que naturalmente cresce dentro do coração. Basta apenas alimentá-la, com Orações, Bons Pensamentos, e Ótimas Atitudes. Por outro lado, a fé também é uma questão de escolha. Tome a decisão de crer, deixe que isto guie seus passos.   Quando você vive coerentemente de acordo com os princípios e ensinamentos da Espiritualidade e Orientações de teus Sacerdotes e/ Sacerdotisa, você se aproxima de ORUM, A doce Morada dos ORIXÁS e dos GUIAS ESPIRITUAIS.   Sarava aos filhos e filhas do Ile Axé Luz de Odara. Jacarei SP.  Baba Ifa Toki.

A mediunidade é diferente para cada pessoa.   Cada um sente, vibra e expressa o Axé de seus guias de uma maneira única, individual, própria para cada um.   Por esse motivo, não é correto voce criticar o seu Irmão pela forma como ele recebe as suas entidades.   Há algo estranho em um terreiro quando todos os Guias se apresentam da mesma forma.   Se todos os Caboclos mancam do mesmo jeito, ou se todos os Guardiões obrigatoriamente gargalham da mesma maneira ou forma, ou se todos os Pretos Velhos caminham igualmente, alguma coisa não está certa ou algo está muito errado. Até mesmo nos movimentos do passe encontramos algumas Imensas e Largas Diferenças. É saudável que médium e cada entidade tenham o seu próprio jeito de trabalhar, desde que esteja dentro dos Fundamentos e dos parâmetros do que é correto e certo.   Dentro de uma mesma árvore, nenhuma folha é igual a outra.   Existem vários tipos de consciência, com as suas necessidades especificas e qualitativas.   O que ajuda uma pessoa, em muitas das vezes não é tão efetivo com outra.   É por isso que os CONSULENTES podem sentir afinidades com algumas entidades, e não com as outras.   Claro que há os exageros.    Mas dentro do conceito e fundamento e do bom senso, cabe a cada um manifestar aquilo que lhe é natural.   É papel do PAI/MÃE no santo, e SOMENTE e EXCLUSIVAMENTE esta situação cabem por á eles avaliarem se alguém está incorporando CORRETAMENTE ou NÃO. Mas se você realmente acredita confia, que há algum Médium MISTIFICANDO, ou de alguma forma ou maneira não agindo corretamente dentro dos Preceitos da Umbanda, não espalhe isso aos Quatros Ventos!!! Comunique ao seu Pai/Mãe no Santo as suas suspeitas e á ninguém mais dentro do Terreiro. E se for necessário, os dirigentes (sacerdotes) conversarão no particular com o referido médium. Quando voce critica a incorporação de um Médium, voce interfere em seu Processo de Desenvolvimento. O médium ainda iniciante apresenta e irá apresentar, uma enorme Insegurança. É difícil para ele tomar a Coragem de receber seus Guias na frente dos outros, visto que teme ser julgado pelos irmãos da corrente mais experientes.   E quando o julgamento realmente acontece; quando descobre que foi ALVO de medíocres comentários Maliciosos, ela TRAVA.  Suas dificuldades aumentam em grande proporção. E não são poucos os médiuns que DESISTEM por este MOTIVO.   Lembre-se que você também está sendo julgado através dos ORIXÁS e GUIAS da casa, por atos e omissões suas próprias, que as vezes observa os defeitos dos outros e se esquece dos seus próprios.  Nenhum Guia é melhor do que o outro.   A Espiritualidade trabalha em conjunto harmonioso sempre. Não existe isso de entidade mais “F O R T E ” Não existe uma forma Padrão ou correta de incorporar. A espiritualidade é livre, e sempre será.   O importante é cumprir sua Missão, que é a prática da Caridade. Mais importante do que a forma de se trabalhar do seu guia, é o merecimento de cada um. É ele que determinará ou diferenciará se você alcançará as suas Graças ou Não.   A fofoca é um dos maiores perigos dentro de um Terreiro e deve ser ‘C O M B A T I D A ” com todas as forças.   Ela é um hábito que, INFELIZMENTE, está profundamente Arraigado em nossa cultura e em nossa sociedade.   São muitos os grupos que giram em torno disto, basicamente, da ” M A L E D I C Ê N C I A “.   E é muito ” N E F A S T A “quando realizada nas casas ou terreiros de Umbanda Sagrada.   Antes de tudo, ele revela o baixo ” C A R Á T E R ” de quem a pratica.   E, em segundo lugar, a ” F O F O C A” enfraquece a CORRENTE MEDIÚNICA.   Quando a fraternidade entre os irmãos de Corrente está Ameaçada abre-se para a atuação do  Baixo Astral Negativo”.   A espiritualidade é livre.   Entenda que se você aprendeu as coisas de um jeito, não há de significar que todo mundo deva fazer igual.   Nem todo Caboclo precisará bater no peito, nem todo Preto Velho precisará se encurvar, nem toda a Criança precisará de Doce. Isto não é, e nem será a essência de minha UMBANDA SAGRADA.   São apenas alguns trejeitos comuns, que ajudam a caracterizar algumas Linhas de Trabalho.   Mas a minha Religião e nossa vai muito além disso.   Não adianta querermos padronizar os trabalhos, assim como aquelas Dancinhas em Conjunto que para mim mais parece um SHOW de cantoria do que uma Umbanda Raiz e verdadeira onde todos tentam já sendo padronizados a fazerem sempre da mesma forma.   Do outro lado desta minha longa Caminhada Espiritual, está  D E U S a nos esperar.  E, eu sempre tive e tenho o prazer de forma-los e orientá-los para que sejam todos vocês, ótimos Médiuns de Umbanda, como sempre tenho dito eu, espero que todos vocês sejam melhores do que eu sou, a Umbanda é um dos veículos que Acelerará nosso encontro com o Pai Eterno um dia.  E que por isto nunca; mais nunca mesmo; um filho do Ile Asé Luz de Odara “ NÃO CRITIQUE A INCORPORAÇÃO ALHEIA “. Axé Baba Yfa Toki – Sacerdote do Templo Luz de Odara. Jacarei SP.

Tu por médium consciente, durante teu desenvolvimento acha que por estar vendo e ouvindo as coisas, é 100% tu que está ali, eu não acredito nessa teoria, uma vez que, se isso de fato fosse verdade acredito que o Dirigente da Casa ou o Guia Chefe do Terreiro Caboclo Flecheiro das Matas Virgens e Pai Francisco da Guiné já não teriam chamado a tua atenção por estar mistificando, você não acha? Ter preocupação, insegurança não é bom para um Médium, deve ter tranquilidade durante a sua incorporação, nós devemos caminhar na direção da entidade de deixa-la que ela caminhe na nossa também, para que possamos nos sentir amparados e não interferirmos no trabalho dela. Devemos manter a concentração e os pensamentos bem firmes para que eles entrem em contato conosco e assumam daí para a frente todo o controle e movimentação de nosso corpo e da nossa mente. O arrepio que sentimos no corpo, que nos gera uma força involuntária e que nos movimenta, faz falarmos coisas que não sabemos, cairmos no chão atirando uma flecha para o Ar, dar o grito (brado) do caboclo, nos curvarmos e andarmos com passos lentos como são de nossos Pretos (as) velhos (as), pularmos, e darmos Cambalhotas como fazem nossas crianças.  A única coisa que precisamos fazer é nos entregarmos, e acreditarmos nesta ou naquela força.   Tenha certeza que se tu estás numa GIRA, em um desenvolvimento, em um Terreiro de Umbanda algum propósito tem, alguma razão tem. Tudo flui a partir da tua entrega, dê o primeiro passo e deixe que os próximos eles as entidades darão por ti…. Se mesmo depois de tudo que aqui foi falado para você que é filho ou filha do Ile Axé Luz de Odara por mim Sacerdote Baba Yfa Toki, tu ainda tiveres alguma dúvida, tente controlar os movimentos Involuntários que teu corpo faz.  ” SERÁ QUE CONSEGUIRÁ?Eu acho difícil hein! Em sendo assim eu espero que, você entenda que as forças que emanam de uma Mediunidade, elas são próprias e concedidas a ti por sua própria escolha antes de reencarnar nesta vida. Baba Yfa Toki

Quero tirar algumas dúvidas desta feita de alguns filhos e filhas médiuns da casa e também aos apreciadores amigos e amantes da doutrina Umbandista.  Quero falar de um tema que ainda continua gerando muita Polemica e Confusão na cabeça de Médiuns.   É um assunto que eu já abordei diversas vezes durante a Abertura dos Trabalhos, e até na Apostila Oficial do Ile Axé Luz de Odara; porém com informações bem básicas, então eu irei novamente tentar explicar melhor sobre médium Consciente ou Inconsciente. Infelizmente as pessoas não buscam orientação com quem entende do assunto, deixam de estudar, e não vão em busca de entender e compreender suas próprias capacidades e acabam, por medo ou até mesmo por Vaidade, afirmando serem inconscientes. Para mim nos dias de hoje a Espiritualidade já não quer mais fazer como antigamente, as famosas mesas giratórias etc. atualmente eles estão buscando nos médiuns a total consciência devido os mesmos estarem bem adiantados e evoluídos espiritualmente. É, mais ou menos assim… nos tempos iniciais da espiritualidade, eles faziam mesas, se mexerem sem ninguém toca-las e isto fazia com que as pessoas se interessassem mais e mais pela espiritualidade, e nos dias de hoje é somente você observar quando vai se consultar com Preto Velho…. Você se senta e aos poucos vai percebendo que está diante de alguém espiritual muito sábio. É como se fosse consultar com um especialista médico de uma determinada área… e dali você já sai com todas as orientações (como receitas) e as cumpre e depois percebe os resultados e as ações serem muito rápidas na sua vida, mesmo assim ainda ouve deles olha meu filho a Medicina dos homens não podem ser desprezadas se for preciso até eles dizem sempre desta forma… ” Oiá mi zi fio sum cê inté precisa busca se consultá com o homi de capa branca”. Então para você que ainda tem alguma dúvida segue o segundo texto abaixo leia-o atentamente e bem devagar para entender melhor o que realmente quero repassar de ensinamento para você filho e filha do Ile Axé Luz de Odara, e também aos nossos amigos e apreciadores da verdadeira Umbanda Sagrada.

E o servidor é aquele que deve estar sempre pronto; não haverá chuva ou sol, dia ou noite para te impedir de servir, pois é teu compromisso. Você terá que desenvolver a paciência, a calma, terá de aprender a ter sempre boas palavras, e boas maneiras. Você muitas das vezes, vai precisar esconder suas próprias lagrimas, para semear sorrisos.    Você terá aqueles que serão teus guiadores, instrutores, que irão orientar em tudo sem tirarem de suas mãos aquilo que caberá a você faze-lo. Você terá momentos de alegrias, e de grande solidão, você irá se sentir fraco e desamparado, mas será apenas sentimento teu, porque realmente jamais estará esquecido ou abandonado.   Você algumas vezes vai questionar sua Própria Fé, e se realmente tens mentores, agindo através de você. Você muitas vezes sentirá na própria Pele a Injustiça, as Injurias, o Esquecimento, de muitos que passaram por teus caminhos, e que você ajudou tanto.   Só não esqueça MÉDIUM, é aquele que está aqui para servir, por isso não Espere Aplausos, Não Espere por Gratidão, não Espere por Gratificação, porque tu vieste, não para receber e Sim para Dar. Aqueles que estão comprometidos com você, estarão para sempre, e não irão te Cobrar, Bater, Derrubar tua Vida, por serem trabalhadores do Bem, e o Bem não pode trair a si mesmo, prejudicando, a servidores em Aprendizado, o que todos são.   MÉDIUM é aquele, que faz da vida um meio de ajuda a quem pede, e a quem precisa, sem escolhas sem preferencias, não existe Cor de Pele, Religião, Orientação Sexual, Classe Social, existe simplesmente pessoas em busca de ajuda. Você terá um longo caminho a seguir, muitas Renuncias a Fazer, muita coisa a calar, muita coisa a aprender, muita coisa a ensinar, você estará recebendo aqueles que se perdem aqueles que não tem caminhos, e haverás de esquecer para que não te sintas orgulhoso, e para que não acredites ser um ser tão poderoso. Médium, tem muito a vencer dentro de si mesmo: – Vencer a Vaidade, Vencer o Egoísmo, Vencer a Luxúria, Vencer a Preguiça, Vencer a Ambição Doentia, Vencer o Preconceito, Vencer o Orgulho, Vencer a Petulância, Vencer a Injustiça, Vencer a Insensatez, Vencer a Arrogância e por fim Vencer a sua falta de Fé, as vezes por que algo de diferente aconteceu em sua vida, e que jamais deva julgar o seu GUIA ESPIRITUAL, porque ele não te atendeu, lembrando sempre a você Médium, A quem muito é Dado… Muito será cobrado.   Você está aqui para servir. Ile Axé Luz de Odara. Baba Yfa Toki. 

Os orixás e os Guias Espirituais, nos ensinam a ter paciência, tolerância, perseverança.   Isso também vale para a ” Iniciação “, na Umbanda.   Quando você decidir se iniciar em um terreiro, procure uma casa da sua confiança com muita calma, sem pressa.   Lembre-se que depois da sua escolha pessoal por uma casa onde se aquietou e gostou e se sentou bem, você ainda terá que ser escolhido ou escolhida pelo Guia Chefe da Casa que você escolheu para ficar e trabalhar.  Tenha humildade, assim, visite vários templos e veja como se sente em cada um deles. Procure observar se existe harmonia, acolhimento, gente bem-intencionada, gratuidade e o exercício da caridade desinteressada, não quero dizer que com isto tudo você não devera a vir contribuinte com ajuda ou contribuição mensal para a manutenção desta casa, já que pelo visto existem despesas decorrentes em todos os trabalhos.   Observe se os dirigentes  e os membros do grupo são saudáveis, equilibrados e felizes.  Procure se informar, converse, observe, pergunte, dê tempo ao tempo, não tenha tanta pressa.   Caso você decida entrar em uma casa que sinta Afinidade, tenha ao menos pressa ainda e verifique se a mesma tem estudo sistematizado apostilas etc. N a Umbanda o aprendizado é lento e vivencial, não basta só o estudo, que por sua vez é indispensável hoje em dia.   Na pedagogia do terreiro o aprendizado e demorado, não é o suficiente estar sempre presente assiduamente, há que se vivenciar intensamente para aprender de fato e não devemos pular Etapas.   Uma religião no caso a Umbanda, deve entrar dentro de você e ser para a vida inteira.   Muitos entram na Umbanda… em poucos a Umbanda entra. E por fim, conforme nos ensinaram os mais velhos; na Umbanda, o caminhar é mais importante que chegar ao final do caminho.  Caminhemos, avante e para o Alto Sempre !!!.  Que Oxalá nos traga sempre Luz e Paz em nossos caminhares dentro da espiritualidade chamada Umbanda Sagrada.   E que Pai Francisco da Guiné e Caboclo Flecheiro das Matas Virgens e Cabocla Janaína e Vovó Maria Redonda nos direcione sempre para o caminho do amor e do bem. Ile Axé Luz de Odara Jacarei – SP. Sacerdote Baba Yfa Toki.

A mediunidade poderá eclodir em diferentes fazes de nossas vidas.  Algumas pessoas já manifestam na sua Infância, a maioria na Juventude e outros na Terceira Idade.   Ainda que você já esteja vivenciado a velhice, pode muito bem iniciar o desenvolvimento.   Nunca é tarde demais para aprender, crescer e expandir sua consciência natural da vida.   Tudo que surge em nossos caminhos vem na hora certa, quando estamos preparados ele…. Seus passos são guiados pela espiritualidade para que encontre o que tiver que por ainda conhecer.   Se não fosse para você se aprofundar na religião neste momento, nem mesmo a teria conhecido agora, não é mesmo.   Ao longo de nossa vida inteira, experimentamos uma sucessão de diversos acontecimentos cujo objetivos é o amadurecimento de nosso próprio espirito ainda em evolução.   Muitos infelizmente, acreditam que este processo se realiza apenas no Miolo de Nossa Existência.   Na infância, apenas brincadeiras, apenas o descanso.   E, desta maneira, nós adiamos a nossa própria evolução na terra.   O aprendizado na matéria é continuo, desde ao nosso nascimento até ao nosso desencarne.   É claro que alguns cuidados são importantes desde o iniciar ou o nosso perceber que temos algo de diferente de algumas pessoas. A entidade não vai rodar e saltar no chão como se seu Aparelho tivesse a mesma capacidade física de um homem ou um jovem no Auge de suas forças físicas.    Ela saberá se adaptar aos próprios limites de seu corpo físico. Porém, isto não irá impedir de promover grandes bênçãos. Afinal, o objetivo da mediunização ou incorporação não é fazer grandes movimentos, e sim praticar a caridade através da espiritualidade.  As, vezes a espiritualidade dá-se um tempo, que poderá levar alguns anos até que realmente o Médium esteja bem preparado para realmente iniciar-se na sua missão, aí então quando o devido momento vai se aproximando, coisas diferentes e sentimentos de percepção dão início em sua vida; em breve de alguma forma você irá acabar procurando um terreiro uma casa para tentar compreender os fatores de tantas mudanças em sua vida. Se você já está com estes sentimentos; e sentindo uma necessidade de estar querendo saber mais sobre os fatos que acontecem com você, quem sabe! Já está mais do que na hora de vir nos conhecer.   Nós somos a Umbanda Sagrada e estamos com nossa casa aberta aos princípios do amor e as normas regidas e orientadas pelo CRISTO JESUS. Ile Axé Luz de Odara Jacarei SP. Sacerdote – Baba Yfa Toki.

Já se fazia alguns meses quase 18 meses, que eu Marcio trabalhava naquele terreiro.   1 ano e 6 meses exatamente e 18 dias exatamente, para ser mais exato eu já sabia de cor a conta dos meses e dias que lá estava indo.   Eu era ajudante, colaborador e até cambone, auxiliava os guias e os consulentes nos muitos atendimentos que presenciava, além de ajudar a manter aquela casa terreiro simples.   Todos me estimavam, meu conhecimento era grande, minha experiência era produto de longos meses no chão daquele terreiro de Pai Arruda em Conceição dos Ouros MG. Eu sabia como realizar todos os rituais da Umbanda. Em caso de dúvidas, era eu que muitos recorriam.    Quando algo inesperado acontecia na gira, conseguia lidar muito bem com toda a situação naquele momento.   E sempre possuía uma palavra e a confiança e orientação dentro da lógica da Umbanda a quem me procurava por uma ajuda. Até mesmo os médiuns mais velhos pediam meus conselhos e orientações. Porém, ninguém sabia que eu Marcio carregava uma grande tristeza no coração. Apesar de tantos meses e tanta dedicação, nunca conseguia incorporar. Eu, já teria desistido de minha mediunidade, mas as entidades do terreiro sempre me diziam que eu era um grande Médium, que eu deveria ser paciente pois chegaria o dia em que eu conheceria os meus guias que me acompanhavam. Com o passar do tempo, o desanimo foi ganhando força, já não tinha mais tanto prazer em servir a espiritualidade. A repetição me entediava, as atividades pareciam sem sentido e a ideia de sair da religião se tornou frequente. Naquele dia, eu estava decidido a sair há não ir mais naquela casa.  Pedir Agô ás entidades, diria ao meu mestre e orientador que precisava de um tempo para me cuidar. Foi uma noite incomum. Primeiramente, muitos médiuns anunciaram que estariam ausentes neste dia. O dirigente adoeceu, os trabalhos seriam abertos por um médium mais velho. A assistência, estava lotada. Quando olhei para as pessoas que buscavam atendimento, senti que alguma coisa sondava aquele lugar, aquele terreiro neste dia estava estranho realmente diferente mesmo. Pouco tempo depois da abertura, a minha intuição se confirmava, subitamente, algumas pessoas indivíduos que lá aguardavam a serem atendidos, caíram no chão e começaram a se contorcer. Era uma clara manifestação de espíritos Obsessores. Os médiuns de atendimento por outro lado estavam ocupados com casos igualmente difíceis. Eu não tive outra alternativa a não ser eu mesmo agir interagir fazer algo urgentemente. No momento em que me aproximei dos KIUMBAS, imediatamente soube falar com eles, não pensava nas palavras, apenas as soltava à medida que fluíam em minha mente.   Ao mesmo tempo em que eu estendia as Palmas de minhas Mãos em direção aos consulentes caídos.  Sentia um calor imenso passando pelo meu corpo da cabeça as pontas dos dedos. E, dessa maneira, consegui normalizar o andamento da cerimonia deste dia, ou seja, desta Gira. Mais tarde, próximo do encerramento, um dos Pretos Velhos, pediu para conversar comigo. Disse-me “”” meu filho, em todas estas luas que trabalhou aqui, sua mediunidade sempre foi das mais fortes desta casa.   Moço não precisa fazer girador para fazer a caridade apesar de que um dia haverá de ter a sua própria casa e muitos filhos e filhas, seus guias estão contigo e você tem transmitido suas palavras para todos que buscam seus conselhos. O Axé deles está com você, meu filho. Já os conhece a tempo que até esqueceu o que é viver sem as bênçãos dele”””. Então compreendi que as vezes a gente não consegue perceber o quanto somos importantes dentro de um terreiro. E na próxima gira, eu seria visto mais uma vez naquele abençoado Terreiro de Pai Arruda em Conceição dos Ouros MG (in-memoriam PAULINO), com todas as forças renovadas para mais um dia de GIRA com Pai Arruda.   Seria perceptível a alegria que eu irradiava naqueles dias passados de muitos trabalhos, até que um dia foi a minha despedida da casa. Nunca mais pensaria em abandonar a minha querida Umbanda. Estava decidido a exercer a minha missão enquanto estiver a minha matéria em vida e que ele a viesse a suportar. Então estou até nos dias de hoje e rendo graças aos meus guias e amigos espirituais. Ile Axé Luz de Odara Jacarei SP.  Sacerdote Baba Yfa Toki.

O ectoplasma é a parte da célula que fica entre a membrana e o núcleo, ou a porção periférica do Citoplasma, conforme explica a ciência acadêmica. 

Entre os espiritas é geralmente conhecido como Plasma de Origem Psíquica, que se exala dos Médiuns e das pessoas em comum.  

Quando os espíritos desencarnados podem dispor dele em bastante quantidade, então o usam em para as Curas e Recomposições Perispirituais, após combinarem-no com outras substancias extraídas do reservatório Oculto da Natureza.

O ectoplasma é matéria viva do próprio médium que, pela sua vontade, admite a intromissão dos Espíritos Amigos e Benfeitores quando a usam para fins proveitosos; no entanto, caso se trate de criatura desregrada, os espíritos inferiores e malévolos podem assenhorar-se dessa energia acionável pela vontade desencarnada, causando perturbações nos trabalhos e fora do ambiente mediúnico.

As vezes trazemos este tipo de trabalho para dentro da Umbanda Sagrada nossa de cada dia, e quando isto acontece é preciso ser feito por Médium capacitado e sintonizado com algumas experiências já feitas em sua vida, não se pode usar este tipo de mediunidade ao bem querer por assim dizer. “”Eu sei fazer e faço”””, é importante de quem irá assumir tais responsabilidades tenha conhecimento de tal uso desta energia, e que seja feito para pouquíssimas pessoas e participantes, já que esta é, e deverá ser sempre uma ocasião de extrema necessidade, tanto para quem vier a precisar ou quem vai praticar.

Então se sua casa espirita tem alguém conhecedor deste tipo de mediunidade que você faça de tudo para providenciar seus conhecimentos dentro desta doutrina espírita chamada de Umbanda Sagrada. E que seu sacerdote possa dentro do possível repassar esta experiência fantástica para você.

Sim… Podemos ajudá-los a entenderem e compreenderem toda esta sistemática em sua vida. Mas, existem alguns preceitos a serem informados. Para nós é muito comum no iniciar das incorporações mediúnicas, observarmos Anciedades, os Medos, as Curiosidades, de uma maneira geral. Todos nós médiuns atualmente já passamos por isto também. Então cabe a nós Sacerdotes/Sacerdotisas, demonstrarmos que tudo não passará de um simples aprendizado que em breve como médium desenvolvido saberá como Agir e se moldar; e cada vez mais se aprimorar juntamente com os seus Guias, para um bom acoplamento entre você e a entidade.

O que é uma firmeza? A firmeza de uma força ou de um poder; poderá ser feita ao redor de um assentamento ou independente dele com a maior naturalidade… Firmar um guia espiritual ou um Orixá significará proporcionar-lhe as condições mínimas para que ele tenha um Ponto Fixo onde receberá todos os pedidos de auxilio; de oferendas, doações etc… A firmeza assemelha-se a um Assentamento, mas tem menos recursos ou poderes de realização, pois é uma simplificação dele e destina-se a facilitar a atuação das entidades em si… Um assentamento criará um Vórtice e um campo Eletromagnético que interagem com outras dimensões da vida de forma permanente, sendo em si um “” Ponto de Força “”” localizado dentro das dependências do Terreiro… Enquanto uma firmeza criará um ponto de sustentação para as ações da entidade firmada, dando-lhe um pouco mais de segurança para que vir a resistir ás reações das suas atuações em benefício das pessoas necessitadas do seu Auxilio Espiritual…. Um Assentamento Assemelha-se a um Fortaleza que abrigará um Imenso Exército completo, com todas as suas Divisões Especiais… Um Assentamento bem feito por pessoa capacitada e responsável Assemelha-se a instalação avançada de uma Divisão.. No Assentamento estarão todas as divisões, na firmeza está somente uma ((a da entidade firmada))).. Um assentamento torna-se algo definitivo, uma firmeza poderá ser transitória.. Um assentamento deverá ser iluminado de forma permanente e deverá ser alimentado periodicamente com elementos pré-determinados para um bom funcionamento entre quem faz e quem recebe as graças… Uma firmeza poderá ser iluminada periodicamente e poderá ser alimentada de vez em quando pelo seu responsável… Um assentamento deverá ter um dia definido na semana para ser iluminado e realimentado; Já uma firmeza deverá ser iluminada e realimentada sempre que o seu Zelador fizer um novo pedido de auxilio á entidade firmada… Assentamento e firmeza são similares e a segunda é uma simplificação do primeiro, mas tem as mesmas funções, que é de protegerem, sustentarem e ampararem algo ou alguém… Porém salientamos que para se fazer um Assentamento voce deverá procurar alguém que saiba o que estará fazendo, e assentando e que seja no mínimo uma estudiosa e conhecedora profunda do assunto em questão, ou seja uma Sacerdotisa de Orixá, a qual em nossa casa temos, alguém que além de ter conhecimentos profundos, também responsabilidades sobre o que irá fazer para você, seja este um Assentamento ou uma Firmeza, seria também necessário que esta pessoa confirmasse nome da entidade seja ela qual for assentada ou firmada… E que ao ASSENTÁ-LA ou FIRMÁ-LA sua entidade, que tenha a Responsabilidade e Coerência de Mandar que você Futuro Zelador Desta Entidade Leve-a Para sua Casa ou Terreiro etc.. Pois por principio quem efetiva um Assentamento ou Firmeza além de fornecer todas as explicações possíveis sobre como fazer para tratar deste assentamento ou firmeza, , jamais poderá deixar no terreiro de seu Pai ou Mãe no Santo, este referido Assentamento ou Firmeza… Assim somos neste Ilê Axé Luz de Odara, ao Fazermos um Assentamento ou Firmeza a pedido de alguém seja da casa ou não, fornecemos todas as orientações para que o Axé jamais seja truncado na vida desta pessoa.

Desenvolvimento mediúnico

De algum jeito a vida, todos os dias, nos mandam um sinal ou alguém que cruze os nossos caminhos para nos dar mais força para persistir, para nos dar coragem ou inspiração… ou simplesmente para nos fazer rir ou descontrair…. Um simples café, uma palavra, uma música, um anúncio…. A Vida nos manda sinais e sopra para quem observa com o coração.  

INTUIÇÃO, não é uma qualidade rara de poucos clarividentes, mas algo que todos temos acesso, e como qualquer músculo, quanto mais você decidir prestar atenção em sua intuição, mais forte ela se tornará.  Muitas vezes analisamos cenários e verificamos as possíveis variáveis de uma escolha e logicamente chegaremos a uma conclusão, e, no entanto, mesmo depois de todas as equações racionais feitas, há um sentimento inexplicável que a escolha aparentemente ilógica é a melhor escolha.   A Intuição é sempre calma e clara, mas á primeira vista nem sempre é a lógica.  Sua visão se tornará clara somente quando você olhar para dentro do seu coração, quem olha para fora, sonha, Quem olha para dentro Acorda.   Tenha coragem de seguir o que o seu coração e a sua Intuição dizem, eles já sabem o que você realmente deseja e Todo o Resto é Secundário em sua vida como médium de incorporação.  Para se valer desta Intuição é preciso ser bem orientado, pelos atos de sua vida, fazendo com que sempre busque se aprimorar para melhor entender sobre a Intuição.

Uma vez que um Preto (a) Velho (a) ou Caboclo (a) entidade te toca, você nunca mais consegue ser o mesmo.  Sua vida muda, seu olhar sobre os outros muda, sua forma de pensar muda.  Quando a rebeldia bate, a gente tenta se convencer de que não é nada, que podemos viver sem essa Faísca de Centelha Divina dentro de nós como tantas vezes vivemos antes de conhece-lo mas sabemos que não é Verdade.   Uma vez que um Preto (a) Velho (a) ou um Caboclo (a) te toca, você entende o quanto é pequeno e o quanto tudo é tão maior e mais completo do que havíamos enxergado até o presente momento aqui.   Você não consegue mais ficar no lugar de Vitima por muito tempo, ainda bem, porque dentro de você existe um DEUS que dança, que te guia no escuro, que te abraça, que te traz calor ao seu corpo mesmo quando tudo é frio, até as pessoas que você já esqueceu tantas vezes com o seu amor.  Uma vez que um Preto (a) Velho (a) um Caboclo (a) te toca você permite ser tocado, não existem mais barreiras pra tudo que você pode ser, porque você finalmente entende e entendeu o quanto é grande e você faz parte também de tudo o que existe nesta terra. Que Pai Francisco da Guine & Caboclo Flecheiro das Matas Virgens sempre abençoe a todos Médiuns da casa. Fazemos parte integralmente de uma divisão de benfeitores nesta corrente de médiuns do ilê Axé Luz de Odara, e desejosos de que cada um dos filhos e filhas da casa sejam sempre pessoas do bem que somente transmitem energias de Amor e Caridade pelo próximo.  E uma vez que uma Vó Maria Redonda e tantas outras nos Tocam, uma vez que um Pai Francisco da Guiné e outros tantos nos tocam…. Nós sentimos que é uma Dadiva de Deus há nos conceder esta missão há de sermos… Médiuns de Umbanda Sagrada.

Muitas pessoas já passaram por esta estranha experiência de ouvir alguém chamar o seu nome… E quando foram verificar ou atender, não havia ninguém chamando por você.   Este fenômeno é incrível e desperta diversas dúvidas e incertezas.   Mas afinal, o que significa ouvir alguém chamar o seu nome.   O espiritismo traz alguma resposta para a gente.   Será que existe um significado espiritual ??… Sim!! Você irá descobrir a partir de agora. Um fenômeno muito recorrente na vida das pessoas espiritualmente mais sensíveis.  É o fato delas ouvirem vozes chamando pelo seu nome. Este fenômeno pode ser bastante perturbador para você e outras pessoas… E não encontrarem ninguém quando procuram ver quem está chamando por você…. E motiva a busca por respostas espirituais com certeza…  Ouvir alguém chamar seu nome é Mediunidade… Primeiro é muito importante procurar uma causa física: Analisar se esse som de chamado teve origem na Televisão, No Rádio, na sua Casa.   Dos vizinhos ou até mesmo por pessoas que passam e a chamam lá da rua. É importante avaliar também o seu estado Psíquico Mental nesta hora. No entanto, na Ausência de uma Explicação plausível Física e Psíquica:   E se este fenômeno costuma sempre a se repetir; é interessante olhar o assunto sob a Ótica Espiritual…   Pode significar que a pessoa está captando vozes de Origem Espiritual. Ou seja, a voz pode ter sido a Manifestação de algum Espirito Desencarnado Realmente.   Que somente deseja se comunicar! Neste caso, a pessoa que está ouvindo alguém chamar seu nome, está recebendo uma impressão espiritual de verdade, através da sua Mediunidade Auditiva.   Se isto ocorre muitas vezes e a pessoa está sempre a ouvindo estas vozes, e outros sons de origem espiritual, ela pode ser considerada como um Médium Audiente ou Clariaudiente na realidade deste fenômeno.   Neste caso, você possui uma sensibilidade espiritual bem acentuada, que se manifesta de forma Auditiva, no entanto, caso você esteja ouvindo Vozes!!! E isto estar lhe causando algum Prejuízo tanto de ordem física ou material, neste caso especifico é importante que você procure AUXILIO MÉDICO urgentemente, para ver se existe algum problema de ordem física, que esteja causando este fenômeno.  O que significa ouvir alguém chamar o seu nome no espiritismo de Umbanda Sagrada.

NOME SEGUNDO NÓS ESPIRITAS UMBANDISTAS DE FATO E DE ATO.

Pode ser considerada como Médium Audiente ou Clariaudiente…. Allan Kardec, o codificador da Doutrina Espirita (Espiritismo).   Nos diz o seguinte sobre os médiuns audientes em seu “” Livro dos Médiuns “” (médiuns audientes ” Questão 165 “.   Estes que ouvem voz dos Espíritos, é como dissemos ao falar da pneumatofonia, algumas vezes uma voz interior, que se faz ouvir no foro íntimo de cada um de nós, doutras vezes, é uma voz interior, que se faz ouvir no em nosso foro íntimo, doutras vezes, é uma voz exterior clara e muito distinta, qual a de uma pessoa realmente viva.  Os médiuns audientes podem conversar com os Espíritos, quando têm o habito de se comunicar com determinados Espíritos, ele o médium, reconhece imediatamente pela natureza da voz, e a experiência pode ser agradável se a pessoa está acompanhada sempre por Bons Espíritos, mas negativa se ela estiver sendo vítima da ação de espíritos Obsessores.   Por isso, é importante você cuidar da sua Vibração Espiritual, controlando seus pensamentos, palavras, e ações para mantê-los positivos sempre, deste modo, você evitara a companhia de espíritos negativos, e poderá Usufruir destas Comunicações com os Espíritos Benéficos e do Bem.  Uma pergunta que me fazem sempre: Como parar de ouvir as vozes espirituais chamando pelo nome dela: A Mediunidade é um Fenômeno muito valioso, para o progresso de muitas pessoas de bem e médiuns bem preparados por uma casa responsável e que tenha conhecedores profundos da Umbanda Sagrada. Portanto, uma boa decisão é não tentar interromper este Fenômeno com você jamais em sua vida., mais sim controlá-lo e Lapidá-lo muito bem como a um Diamante Bruto que haverá de ter o seu valor pela passagem nesta terra. Desta forma, pode-se utilizar a mediunidade Auditiva, para o seu próprio progresso espiritual e para o progresso de todos os outros, portanto, se você Ouve Vozes Espirituais chamando o seu nome, Investigue e Reflita sobre a possibilidade de Desenvolver a sua Mediunidade, além disso, é preciso fazer uma Reforma Intima, e um trabalho de Doutrina e Autoconhecimento adequado, desta maneira, você se equilibrará espiritualmente, aumentará seus níveis de energia vital e espiritual, evitara a companhia de espíritos zombeteiros ou até mesmo obsessores, por fim, você poderá evitar as vozes espirituais negativas, que ficam chamando pelo seu nome, através da prática de Orações, como uma oração espiritual de manhã e a oração espírita a noite ao deitar-se, a prática de Rezar diariamente lhe ajudará no trabalho de equilíbrio espiritual e emocional, promovendo seu fortalecimento como Médium e promovendo uma união entre você e os espíritos, além de tudo isso, fazer uma limpeza psíquica antes de dormir também é ótimo, você pode praticar meditação e realizar práticas espirituais positivas também, tudo isso poderão ajudá-lo neste sentido, portanto, se cuide e tudo ficará bem, e se precisar de algum lugar onde irá encontrar bons ensinamentos sobre espiritismo de Umbanda.

Quando passamos a frequentar a Umbanda, iniciamos um processo de profunda transformação interior. E ao decorrer do desenvolvimento mediúnico, estas mudanças intensificam-se.  As vibrações elevadas dos Guias mexem com nossas energias. Aquilo que está oculto manifesta-se. E as questões que há tanto tempo tentamos fugir, mais uma vez dá sua cara. Mágoas guardadas, sentimentos reprimidos, hábitos negativos, pensamentos acumulados vêm à tona.   Isto de porque o desenvolvimento mediúnico desenrola uma verdadeira limpeza interior.   Antes de participar das consultas, os Guias preparam seus aparelhos e muito bem.   De uma maneira de outra, você terá que lidar com suas sombras interiores. Enfrentar as trevas que habitam seu ser.    Muitas vezes, é doloroso, difícil, mas necessário sempre. Pense bem, como poderá o guia orientar o perdão, quando seu próprio Aparelho guarda profundos rancores?  Com o desenvolvimento, firma-se no médium não somente as vibrações dos Guias e Orixás, mas também os valores que a espiritualidade nos ensina. É o momento de desenvolver a paciência, a humildade, a simplicidade, a reverencia ao Sagrado. Por este motivo, aquele que deseja passar bem por este período, deverá apresentar uma constante disposição para se transformar.   Encarnar a boa vontade para ouvir os Conselhos e Orientações de seus Guias e seus Sacerdotes, e colocá-los em prática na própria vida.  ” É Quando se Assume Responsabilidades. ” Você não é mais consulente, não poderá mais comparecer ao Terreiro apenas para receber ou ser atendido, deverá também fazer a sua parte. Contribuir para que o AXÉ Aconteça. Buscar integrar-se ao seu Terreiro. Há muitas formas de ajudar. O desenvolvimento mediúnico também será o momento de expandir os seus conhecimentos. Para isso, está a disposição uma infinidade de textos, livros, vídeos, páginas, entre outros.  Mas principalmente, o saber virá através da própria experiência no Chão do Terreiro. É preciso saber Ouvir com Humildade, observar tudo o que lhe cabe ouvir, e estar próximo dos seus Mais Velhos.    Entenda, Umbanda não é somente incorporação, mas desenvolvimento pessoal em todos os seus sentidos.   O Amadurecimento da sua Mediunidade exigirá um amadurecimento de si mesmo, mergulhar no seu interior. aprofundar-se no autoconhecimento, realizar a tão falada reforma Intima, para que você possa ser um instrumento Afiado da Espiritualidade para a prática do bem.   É preciso entender que para entrar em uma Gira de Terreiro ou vir a fazer parte de um mesmo, antes será preciso verificar se realmente é isto o que você quer para a sua vida, havendo uma decisão de sua parte, vá em diversos trabalhos, observe, olhe atentamente todas as Giras de um Terreiro, observe se os seus dirigentes tem realmente conhecimentos sobre Umbanda ou Orixás, havendo de sua parte uma postura sempre fiel aos princípios de uma doutrina ainda nova, em sua vida e se estes são exemplos dignos de uma Umbanda a qual você sempre procura. Acaso esteja nesta situação, sempre confie em seus guias, e lembre-se que toda a casa de Umbanda tem lá seus regimentos internos, e quando entrar para uma corrente, já entre sabendo que deverá ajudar o máximo possível a casa escolhida por você para trabalhar e seguir a sua missão. Se depois de tudo isto ainda tiver alguma dúvida. Realmente você ainda não está preparado para a Mediunidade, segue meus conselhos espere mais um pouco, e busque conhecer mais profundamente sobre esta nova Doutrina que caminha a passos largos para se tornar em um curtíssimo prazo de tempo a Religião dos Povos.

Translate »